6º Prêmio de Arquitetura Instituto Tomie Ohtake AkzoNobel.

Estão abertas as inscrições para o 6º Prêmio de Arquitetura Instituto Tomie Ohtake AkzoNobel. A iniciativa continua a mapear a produção arquitetônica contemporânea, ao destacar, pelo sexto ano consecutivo, projetos significativos construídos no panorama atual brasileiro que levem em conta o comprometimento com o sítio de implantação e a sustentabilidade, bem como a inventividade projetual e construtiva.

6º Prêmio de Arquitetura Instituto Tomie Ohtake AkzoNobel introduz a categoria UNIVERSITÁRIOS, exclusiva para estudantes de arquitetura submeterem projetos não construídos.  Nesta edição, sob o tema “Revitalização, Requalificação, Renovação”, podem participar universitários regularmente matriculados em cursos de arquitetura de nível superior, reconhecidos ou autorizados pelo MEC, brasileiros ou estrangeiros residentes no país há pelo menos dois anos. Até três projetos serão selecionados e farão parte de exposição no Instituto Tomie Ohtake no ano de 2019, além de serem publicados no catálogo do Prêmio. Um estudante dentre os selecionados será premiado com um estágio em escritório de arquitetura.

A categoria PROFISSIONAIS, como nas edições anteriores, é voltada para escritórios e coletivos de arquitetura, arquitetos brasileiros ou estrangeiros residentes no país há pelo menos dois anos a contar da data da inscrição do projeto. Serão selecionadas até dez obras que farão parte da exposição no Instituto Tomie Ohtake no ano de 2019, além de serem publicadas no catálogo do Prêmio. Três projetos dentre os selecionados ganharão viagens internacionais para destinos com interesse arquitetônico.

“Inovação e sustentabilidade são pilares estratégicos para a AkzoNobel, que tem a paixão por pintura como diretriz de seus negócios. Estar ao lado do Instituto Tomie Ohtake nesta sexta edição reforça o caminho percorrido pela companhia e consolida ainda mais nosso compromisso com o desenvolvimento sustentável das cidades e comunidades brasileiras”, afirma o presidente da AkzoNobel para a América do Sul, Daniel Geiger Campos.    

O júri do 6º Prêmio Prêmio de Arquitetura Instituto Tomie Ohtake AkzoNobel reúne os arquitetos Helena Aparecida Ayoub Silva; Héctor Vigliecca; Joice Berth; Pedro Vada e Priscyla Gomes.

As inscrições (gratuitas) devem ser feitas online, de 05 de abril a 09 de maio de 2019, pelo site premioarquitetura.institutotomieohtake.org.br no qual há informações completas sobre a premiação.

O Prêmio de Arquitetura Instituto Tomie Ohtake Akzonobel desde sua primeira edição (2014), recebeu 764 projetos inscritos, provenientes de 17 Estados e do Distrito Federal. Na edição passada, 2018, o 1° lugar ficou com Héctor Vigliecca (Vigliecca & Associados) com o projeto Parque Novo Santo Amaro V (São Paulo, SP), enquanto Rodrigo Calvino (C+P Arquitetura) foi o segundo colocado, com o Hostel Villa 25(Rio de Janeiro, RJ), e Carlos M. Teixeira (Vazio S/A) foi o terceiro, com o projeto Casa Cerrado (Moeda, MG). Coube a Paulo Mendes da Rocha (Paulo Mendes da Rocha + MMBB Arquitetos) o prêmio Hors concours pela obra do Sesc 24 de Maio (São Paulo, SP). Já a Menção Honrosa Sustentabilidade foi dedicada à Vila Taguaí (Carapicuíba, SP), da arquiteta Cristina Xavier, enquanto a Menção Honrosa Cor foi conquistada pela Residência em Gonçalves (Gonçalves – MG), projetada por André Vainer.

 

Sobre o Prêmio

O Prêmio busca reconhecer as produções arquitetônicas de destaque na cena contemporânea brasileira, valorizando as formas inovadoras de pensar e construir o espaço social, contribuindo, assim, com o desenho do panorama atual da arquitetura nacional nos seus mais variados contextos. Os projetos finalistas participam da exposição na sede do Instituto Tomie Ohtake, registrada em catálogo, e os vencedores, anunciados na inauguração da mostra, são contemplados com viagens internacionais e estágio em escritório de arquitetura. A partir da sexta edição foi introduzida a categoria estudantes.

O Prêmio de Arquitetura Instituto Tomie Ohtake AkzoNobel é resultado de uma parceria entre o Instituto Tomie Ohtake e a AkzoNobel, multinacional holandesa que atua nos segmentos de tintas, revestimentos e especialidades químicas, e se insere nas perspectivas do Instituto, enquanto instituição cultural, ao promover iniciativas no campo da arquitetura, do urbanismo, das artes plásticas e do design.

 

 

Sobre a AkzoNobel

A AkzoNobel é apaixonada por pintura. Somos especialistas e temos orgulho de produzir tintas e revestimentos, estabelecendo o padrão em cor e proteção desde 1792. Nosso portfólio de marcas de classe mundial – incluindo Coral, International, Sikkens e Interpon – conta com a confiança dos nossos clientes em todo o mundo. Com sede na Holanda, operamos em mais de 150 países e empregamos cerca de 35.000 pessoas talentosas que são apaixonadas em entregar produtos e serviços de alto desempenho aos nossos clientes.

 

Sobre o Instituto Tomie Ohtake

O Instituto Tomie Ohtake, fundado em 2001, é o único local da cidade dedicado às artes plásticas, arquitetura e design, com projeto arquitetônico especialmente desenvolvido para abrigar essas três expressões das artes visuais. Assim como nas outras áreas, no campo da arquitetura produz exposições, publicações e debates. Já fizeram parte de sua programação nomes, como Álvaro Siza, Gaudí, Oscar Niemeyer, Ruy Ohtake, Soto de Moura, SANAA – Sejima + Nishizawa, Thom Mayne e Vilanova Artigas. Além do Prêmio AkzoNobel, realiza o programa Arquitetura Brasileira que, por meio de mostras e encontros, a cada edição investiga a produção nacional sob aspectos propostos por curadores convidados.

 

Texto original: CAU/AL

 



Artigos relacionados

André Corrêa do Lago é o primeiro brasileiro a integrar o júri do Pritzker

Esta é a primeira vez que um brasileiro é convidado a fazer parte da equipe de júri do Pritzker, considerado o Nobel da Arquitetura. A decisão foi anunciada no sábado, 20 de maio, durante a entrega do prêmio aos integrantes

Exposição sobre arquitetura Contemporânea da Amazônia

Projeto do Espaço Cultural José Gomes Sobrinho, em Palmas, é destaque em Exposição sobre arquitetura Contemporânea da Amazônia   A Galeria Municipal de Artes, no Espaço Cultural José Gomes Sobrinho, recebe de 11 de abril a 03 de maio, a

Anunciados os vencedores do concurso de restauração do Museu Paulista

A Universidade de São Paulo anunciou no dia 18 de dezembro, os  vencedores do Concurso Nacional de Arquitetura para o Restauro e Modernização do Edifício – Monumento do Museu Paulista, no Ipiranga. Anunciado no início de setembro de 2017, o

Sem comentários

Escreva um comentário
Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar esta postagem.

Escreva um comentário

Deixe uma resposta