Arquiteturas: Rua Augusta

Arquiteturas: Rua Augusta

A Rua Augusta é uma das ruas mais dinâmicas da cidade de São Paulo. Já foi parte de uma chácara, virou rua residencial, depois, ligação do centro para a zona oeste e rua comercial. Já sofreu degradação, enchentes e engarrafamentos. Já passou por mudanças de tráfego, e quase deixou de ser rua para ser boulevard. Sucessivos processos alteraram o uso da via e o perfil das pessoas que a frequentam. Hoje, a Augusta vive uma nova fase, de valorização de seu espaço e sinônimo de diversão noturna.

Para conhecer melhor essa história, veja o episódio da série Arquiteturas sobre a rua:


Artigos relacionados

Código de Ética e Disciplina do CAU/BR – 1.1.3

A diretriz 1.1.3 do Código de Ética e Disciplina do CAU/BR estabelece a relação do arquiteto com o patrimônio arquitetônico.

Prêmio Tomie Ohtake

O Prêmio de Arquitetura Instituto Tomie Ohtake AkzoNobel chega a sua quarta edição. As inscrições gratuitas devem ser feitas até o dia 30 de abril de 2017. Os participantes, brasileiros ou estrangeiros (residentes no Brasil há pelo menos dois anos),

Prefeitura de São Paulo planeja retirar mosaicos portugueses de calçadões

As pedras devem ser substituídas por concreto a partir de janeiro. A justificativa da prefeitura é de que o novo piso facilita a acessibilidade e tem menor custo de manutenção – cerca de 6 vezes mais barato. De acordo com

Sem comentários

Escreva um comentário
Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar esta postagem.

Escreva um comentário

Deixe uma resposta