Carlos Bratke, um não-alinhado

Carlos Bratke, um não-alinhado

Nascido em uma família de arquitetos, Carlos Bratke (1942) é autor de centenas de projetos, muitos deles premiados em razão do experimentalismo formal e técnico.
Formado em 1967 pela Universidade Mackenzie, integrou a primeira geração de arquitetos paulistas a contestar os dogmas da arquitetura moderna – o grupo acabou rotulado como os “não-alinhados” e inclui Tito Lívio Frascino, Vasco de Mello, Roberto Loeb, Pitanga do Amparo, Eduardo Longo e Artur Navarrete.
Carlos Bratke presidiu a Fundação Bienal (entre 1999 e 2002) e o Instituto de Arquitetos do Brasil/Departamento de São Paulo (gestão 1992/1993).

 


Artigos relacionados

Feliciano da Cunha: casa caiçara

Feliciano da Cunha fala da liberdade da vida do caiçara, quase equivalente à vida indígena. Explica a confecção da tradicional casa caiçara e o sistema de trabalho comunitário que define a posição das moradias. Vídeo da série Habitar/Habitat, 13 documentários

Porta para a gente “diferenciada” por Plínio Bortolotti

EM EDIFÍCIO DE NOVA YORK RICOS E DESPOSSUÍDOS viverão juntos, porém separados; prédio de luxo terá um “portão dos pobres”.

Seis desafios para mudar as cidades por Raquel Rolnik

Desafios das metrópoles brasileiras que precisam de enfrentamento amplo.

Sem comentários

Escreva um comentário
Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar esta postagem.

Escreva um comentário

Deixe uma resposta