CAU/SP patrocinará projetos que valorizam Arquitetura e Urbanismo

CAU/SP patrocinará projetos que valorizam Arquitetura e Urbanismo

Seguindo os princípios institucionais, que é fomentar e valorizar a arquitetura e urbanismo nacional, o CAU/SP lançou, no mês de agosto, um edital de parcerias de 2016 focado para projetos que enalteçam a função social da área.

Até o dia 12 de setembro, entidades sem fim lucrativo, com no mínimo três anos de existência e que tenham experiência na atividade apresentada, além de condições físicas, materiais e técnica, podem enviar os projetos que contemplem a valorização profissional e que contribuam para o esclarecimento sobre a importância da arquitetura e do urbanismo.

Para a validação da proposta é necessário o cumprimento de duas condições: os projetos podem ter âmbito municipal, estadual, nacional ou até mesmo internacional, desde que sejam realizados no Estado de São Paulo e o prazo de execução (início e finalização) deve estar entre 01 de novembro de 2016 e 31 de julho de 2017.

Além dessas condições fundamentais dos projetos e atividades, é necessário que eles se encaixem em uma dessas três modalidades:

eventos: feiras, encontros profissionais, palestras, cursos, conferências, seminários, congressos, premiações e atividades afins;

publicações: livros e outras publicações cujos conteúdos colaborem para fomentar a Arquitetura e o Urbanismo e disseminar informações relevantes para o segmento;

produções: audiovisuais e exposições.

O CAU/SP reservou uma verba de R$1,25 milhão para financiar as propostas que encaixem nos critérios avaliados, que foram divididos entre originalidade/inovação do projeto, clareza e coerência na apresentação do projeto, qualidade das contrapartidas e a relevância do projeto para o desenvolvimento da Arquitetura e Urbanismo. A divulgação do resultado preliminar sai no dia 22 de setembro de 2016

Dúvidas sobre o edital podem ser encaminhadas para o e-mail: licitacao@causp.gov.br



Artigos relacionados

Hobin Hood Gardens começa a ser demolido

O projeto habitacional Robin Hood Gardens, localizado no leste de Londres, começou a ser demolido no final do mês de agosto. A obra, dos arquitetos Alison e Peter Smithson, concluída em 1972, era um marco da arquitetura brutalista do Reino

E a velha fábrica ganhou nova vida

Concebido por Lina Bo Bardi em colaboração com André Vainer e Marcelo Ferraz, o Sesc Fábrica da Pompéia é um dos exemplos mais bem sucedidos de criação de um espaço público de lazer, cultura e esporte construído na cidade de

Matias Lopes: arquitetura tem de atender necessidade real

Estudante de Arquitetura na Unifor, Matias Lopes acha que a arquitetura tem de atender a necessidade real do cliente. Ele aponta o projeto da High Line, em Nova Iorque, como exemplo de bom projeto. [youtube https://www.youtube.com/watch?v=Nw9qyaEKork&w=832&h=h468] Relacionado

Sem comentários

Escreva um comentário
Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar esta postagem.

Escreva um comentário

Deixe uma resposta