Exposição permite que visitante “coma” Brasília

Exposição permite que visitante “coma” Brasília

A exposição Ciclo – Criar Com o Que Temo comemora os 100 anos dos primeiros ready-made de Marcel Duchamp, artista que inovou ao promover o deslocamento de objetos comuns para o cenário de exposições de arte. A mostra acontece no Centro Cultural Banco do Brasil DF, em Brasília, com 15 artistas expositores.

Umas das peças que mais chama atenção é a “cidade comestível” do artista plástico Sung Dong. Nela é possível ao visitante comer a cidade de Brasília, construída com doces, biscoitos e várias outras guloseimas. A sessão de comilança será aberta neste sábado, às 11 horas da manhã.

Qual parte da arquitetura você vai querer?


Artigos relacionados

Projeto de Zaha Hadid no Rio de Janeiro é abandonado

O “Residencial Casa Atlântica”, primeiro projeto de Zaha Hadid na América do Sul que seria construído em Copacabana, foi cancelado devido à “demora da prefeitura para liberar a licença de obras e o consequente atraso do lançamento e da inauguração

AO VIVO: Conselheiros realizam 83ª Reunião Plenária do CAU/BR nesta quinta e sexta

Conselheiros do CAU/BR estarão reunidos em Brasília nos dias 18 e  19 de outubro para a 83ª Reunião Plenária. Na pauta, três processos ético-disciplinares, entre outros assuntos. Acompanhe a transmissão ao vivo, pelo site do CAU/BR.   Confira a pauta

No aniversário de Oscar Niemeyer, auditório do Memorial é reaberto

Passou-se quatro anos desde que o auditório Simon Bolivar, projetado pelo arquiteto Oscar Niemeyer, foi atingindo por um incêndio que destruiu boa parte de sua estrutura e diversas obras de arte que compunham o espaço. Agora, 15 de dezembro de

Sem comentários

Escreva um comentário
Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar esta postagem.

Escreva um comentário

Deixe uma resposta