GIFs malucos animam obras de grandes arquitetos

GIFs malucos animam obras de grandes arquitetos

O blog 1week1project publicou uma série de imagens GIFs que brincam com as formas e volumes de diversas obras de arquitetura.

 

Gire o Museu da Memória e dos Direitos Humanos, em Santiago de Chile.

 

Memory-Museum

 

Tetris com o edifício El Mirador, em Madri, Espanha.

 

El Mirador

 

Torcendo as Absolute Towers de Mississauga, no Canadá.

 

Absolute-Towers-by-MAD-photo-Tom-Arban-by-Axel-de-Stampa

 

A incrível expansão do edifício Veles e Vents, em Valência, na Espanha.

 

Americas-Cup-Building-by-David-Chipperfield-photo-unknown-gif-Axel-de-Stampa550

 

O pulsante prédio da Emerson College, em Los Angeles, Estados Unidos.

 

Emerson-College-Los-Angeles-by-Morphosis-photo-Iwan-Baan-by-Axel-de-Stampa

 

O “engavetamento” do New Art Museum, em Nova Iorque, Estados Unidos.

 

New-Museum-by-Sanaa-photo-James-Ewing-gif-Axel-de-Stampa750

 

Desdobre o Theatre Agora, em Lelystad, na Holanda.

 

Theatre-Agora-by-UNStudio-photo-Christian-Richters-gif-Axel-de-Stampa750

 

Empilhar a VitraHaus, localizada em Weil am Rhein, Alemanha.

 

VitraHaus-by-Herzog-de-Meuron-photo-Iwan-Baan-gif-Axel-de-Stampa640

 

Mover as janelas da Zollverein-School, em Essen, na Alemanha.

 

Zollverein-School-by-Sanaa-photo-unknown-by-Axel-de-Stampa

 

Os GIFs foram originalmente publicados na página do blog 1week 1project.


Artigos relacionados

Vivendo sobre palafitas

São sistemas construtivos de estacas de madeira utilizados em edificações em áreas alagadiças cuja função é evitar que as casas sejam arrastadas pela correnteza dos rios. Encontradas em áreas tropicais e equatoriais de alto índice pluviométrico, como na Amazônia e

O Globo: ‘A arquitetura de agora valoriza o ambiente social’, diz Sérgio Magalhães

Sérgio Magalhães fala sobre a escolha do Rio de Janeiro como sede do Congresso Mundial da UIA em 2020

Carlos Bratke, um não-alinhado

Nascido em uma família de arquitetos, Carlos Bratke (1942) é autor de centenas de projetos, muitos deles premiados em razão do experimentalismo formal e técnico.

Sem comentários

Escreva um comentário
Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar esta postagem.

Escreva um comentário

Seu e-mail nâo será publicado.
Campos obrigatórios estão marcados*