GIFs malucos animam obras de grandes arquitetos

GIFs malucos animam obras de grandes arquitetos

O blog 1week1project publicou uma série de imagens GIFs que brincam com as formas e volumes de diversas obras de arquitetura.

 

Gire o Museu da Memória e dos Direitos Humanos, em Santiago de Chile.

 

Memory-Museum

 

Tetris com o edifício El Mirador, em Madri, Espanha.

 

El Mirador

 

Torcendo as Absolute Towers de Mississauga, no Canadá.

 

Absolute-Towers-by-MAD-photo-Tom-Arban-by-Axel-de-Stampa

 

A incrível expansão do edifício Veles e Vents, em Valência, na Espanha.

 

Americas-Cup-Building-by-David-Chipperfield-photo-unknown-gif-Axel-de-Stampa550

 

O pulsante prédio da Emerson College, em Los Angeles, Estados Unidos.

 

Emerson-College-Los-Angeles-by-Morphosis-photo-Iwan-Baan-by-Axel-de-Stampa

 

O “engavetamento” do New Art Museum, em Nova Iorque, Estados Unidos.

 

New-Museum-by-Sanaa-photo-James-Ewing-gif-Axel-de-Stampa750

 

Desdobre o Theatre Agora, em Lelystad, na Holanda.

 

Theatre-Agora-by-UNStudio-photo-Christian-Richters-gif-Axel-de-Stampa750

 

Empilhar a VitraHaus, localizada em Weil am Rhein, Alemanha.

 

VitraHaus-by-Herzog-de-Meuron-photo-Iwan-Baan-gif-Axel-de-Stampa640

 

Mover as janelas da Zollverein-School, em Essen, na Alemanha.

 

Zollverein-School-by-Sanaa-photo-unknown-by-Axel-de-Stampa

 

Os GIFs foram originalmente publicados na página do blog 1week 1project.


Artigos relacionados

Arquitetura para Colorir

Arquitetura embarca na onda das publicações de colorir para adultos

Arquiteturas: Arcos da Lapa

Antes da boemia, dos bares, do samba e dos bondes de Santa Tereza, os famosos Arcos da Lapa serviam a um Rio de Janeiro bem diferente, uma cidade pequena, colonial, sem saneamento e que, portanto, precisava das águas do Rio

Ruy Ohtake no programa Provocações

O paulistano Ruy Ohtake (1938) tem mais de 300 projetos realizados. Arquiteto e design de móveis, formou-se na FAU-USP em 1960. É autor das sedes dos hotéis Unique e Renaissance, do Parque Ecológico do Tietê, do sistema de transporte urbano

Sem comentários

Escreva um comentário
Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar esta postagem.

Escreva um comentário

Seu e-mail nâo será publicado.
Campos obrigatórios estão marcados*