Morre arquiteto e urbanista Paulo Casé, aos 87 anos

Morre arquiteto e urbanista Paulo Casé, aos 87 anos

Paulo Casé faleceu na segunda-feira, 27 de agosto. Há cerca de um mês, o arquiteto e urbanista estava internado, após sofrer um AVC. Casé deixa quatro filhos, cinco netos e esposa. O velório será amanhã, a partir de 12h, no Memorial do Carmo, onde o corpo será cremado, às 16h.

“Paulo Casé contribuiu, através de seu trabalho, para o atual desenho da cidade do Rio de Janeiro. Autor de projetos hoteleiros de grande visibilidade, como o Le Méridien, atual Hilton, no Leme, o colega teve atuação de destaque em programas de urbanização como Favela Bairro da Mangueira. Casé conseguiu aliar funcionalidade e estética em sua produção arquitetônica, características que lhe renderam grande projeção na profissão”, afirmou o presidente do CAU/RJ, Jeferson Salazar.

Entre os projetos de sua autoria estava o hotel Hotel Merriot, em Copacabana. Casé também foi responsável pelos projetos Cidade das Crianças, em Santa Cruz; Rio-Cidade Bangu e Ipanema, entre outros.

Via CAU/RJ



Artigos relacionados

Arquiteturas: Mercado Central de Belo Horizonte

Como equilibrar a preservação daa tradição e ao mesmo tempo sobreviver à concorrência imposta pelo tempo?

Arquiteturas: Itá

Já imaginou viver em uma cidade com prazo de validade? Por muitos anos esse foi o cotidiano dos moradores de Itá, no interior de Santa Catarina, após o anúncio da construção de uma usina hidrelétrica em suas imediações. Para os

São Paulo nas Alturas

Foi lançado na quarta-feira (16) o livro São Paulo nas Alturas, do jornalista Raul Juste Lores. Desde cedo observador. Quando criança, Raul já passeava pelas ruas de Santos com atenção, admirado pelos grandes edifícios e construções. Em 2015, quando chegou

Sem comentários

Escreva um comentário
Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar esta postagem.

Escreva um comentário

Deixe uma resposta