Nova temporada de Arquiteturas vai ao ar em outubro

Nova temporada de Arquiteturas vai ao ar em outubro

O canal SescTV realiza a segunda temporada da série Arquiteturas, uma produção da Revanche Produções e Miração Filmes. Diferentemente da temporada anterior, a segunda conta com o dobro de episódios, 26. O documentário nasceu da necessidade de fomentar uma cultura de conhecimento arquitetônico entre a população.

Arquiteturas está prevista para ir ao ar em outubro deste ano. Galeria do Rock, a Orla de Santos e a cidade planejada de Palmas são algumas das obras retratadas. A série busca mostrar as diferentes formas de ocupação do espaço urbano, seja através da intervenção do estado ou de sua omissão, seja através de empresas privadas e seus interesses, ou ainda da vontade puramente popular.

O canal lançou um website sobre a segunda temporada, com fotos de bastidores, informações sobre os novos episódios e vídeos inéditos. O internauta também pode assistir à temporada anterior em HD, que exibiu a história e os detalhes de 13 construções em Minas Gerais, São Paulo, Pará, Goiás, Distrito Federal e Rio de Janeiro. Em Minas, foram apresentados o Instituto Inhotim, em Brumadinho, e a Igreja São Francisco de Assis, em Ouro Preto. No Pará, Mercado Ver-O-Peso, em Belém. Em São Paulo, a Biblioteca Mário de Andrade, o Espaço Natura, a Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da USP, o Sesc Pompéia, o Teatro Municipal e o Copromo (Osasco); as Superquadras, em Brasília; e o estádio Serra Dourada, em Goiânia. No Rio, as estrelas foram o Teatro Municipal, o Palácio Gustavo Capanema (o antigo prédio do MEC) e o Museu de Arte Moderna (MAM).

Acesse aqui todos os episódios da primeira temporada, na íntegra.



Artigos relacionados

Matias Lopes: arquitetura tem de atender necessidade real

Estudante de Arquitetura na Unifor, Matias Lopes acha que a arquitetura tem de atender a necessidade real do cliente. Ele aponta o projeto da High Line, em Nova Iorque, como exemplo de bom projeto.

Projeto “Volume Vivo” investiga a crise hídrica do estado de São Paulo

Preocupado com a pior crise hídrica que a cidade de São Paulo vive nos últimos 80 anos, o cineasta Caio Ferraz resolveu fazer uma série de mini documentários sobre o assunto para explicar as múltiplas causas da falta de água.

Um comentário

Escreva um comentário

Escreva um comentário

Seu e-mail nâo será publicado.
Campos obrigatórios estão marcados*