Paisagismo

Paisagismo

O paisagismo ou a arquitetura da paisagem abrange as características geográficas, hidrográficas, bióticas e humanas na busca de um equilíbrio estético entre os vários componentes da paisagem urbana – vegetação, área construída, espaços livres para circulação. Idealmente, deve ser minimamente agressivo à natureza, mas dela tira proveito ao aliar a beleza vegetal com os espaços edificados.

O arquiteto paisagista deve ir além de projetar belos jardins e paisagens para realizar um estudo ambiental e social que alie o prazer estético aos usos e funções imaginados para uma edificação, em busca da harmonia entre os vários  elementos. O trabalho do paisagista é unir a natureza ao meio urbano, procurando harmonizar esta convivência.

Burle Marx foi um grande paisagista. Ele projetou os jardins do Conjunto Habitacional Pedregulho, o terraço do Palácio Gustavo Capanema, o eixo monumental de Brasília, a área verde do Aterro do Flamengo e tantos outros. Outro nome de destaque nessa área é o de Rosa Grena Kliass, que projetou a área verde e esportiva do Parque da Juventude.



Artigos relacionados

Fissuração

Fissuração é o nome dado às pequenas rupturas que aparecem no concreto  e que podem ser provocadas por atuação de cargas ou por retração, devido à rápida evaporação da água.  

Cura

Processo que assegura as condições ideais (ou mínimas) de umidade e temperatura nas primeiras idades do concreto (pelo menos sete  dias) e que asseguram o desenvolvimento de sua resistência e de outras propriedades. Em certos casos, usa-se a cura a

Sacada

Sacadas ou balcões são plataformas salientes na parede de um edifício. De pequena área, podem ser cobertas ou descobertas e cercadas com balaústres, parapeitos ou grades. Observa-se um aumento da importância das sacadas nos últimos anos como espaço de lazer

Sem comentários

Escreva um comentário
Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar esta postagem.

Escreva um comentário

Seu e-mail nâo será publicado.
Campos obrigatórios estão marcados*