Parque Villa Lobos

Parque Villa Lobos

Fotografia de André Bonacin

A ideia de criar um parque em homenagem ao compositor Heitor Villa-Lobos surgiu em 1978. O projeto, do arquiteto Décio Tozzi, levou anos para se concretizar, mas hoje o espaço é uma das áreas de lazer mais visitadas da cidade, percorrido por cinco mil pessoas durante a semana, 20 mil aos finais de semana e 30 mil em feriados.

Situado no bairro Alto de Pinheiros, zona Oeste da cidade, o Villa Lobos tem ciclovia, quadras, bosque, campos de futebol, playground, aparelhos de ginástica, pista de cooper e tabelas de street basketball espalhados por 732 mil metros quadrados de muito verde.

Há muitas maneiras de usufruir o espaço: o “Vai pela Sombra” é uma forma do visitante fazer uma trilha de pedriscos e andar pelos principais bosques do parque. O “Circuito das Árvores” é uma passarela elevada que, no ponto mais alto, chega a ter 3,5 metros de altura, além de 120 metros de extensão. Durante o passeio, é possível ver árvores e aves de diversas espécies. O Villa-Lobos conta ainda com o “Orquidário Ruth Cardoso” e o “Ouvillas”, espaço ao ar livre com taludes, bancos e espreguiçadeiras para que os visitantes apreciem apresentações musicais.


Artigos relacionados

Hospital Sarah Kubitschek

O Hospital do Aparelho Locomotor Sarah Kubitschek de Salvador faz parte da Rede SARAH de Hospitais de Reabilitação, cujo objetivo central é construir hospitais públicos de qualidade dedicados à pesquisa e à recuperação de pacientes da área do aparelho locomotor

Superquadras

Inaugurada há cinquenta anos, Brasília marca, entre outras coisas, o desejo de propor uma nova sociabilidade urbana, que tem na escada residencial o seu desenvolvimento mais radical, as superquadras como unidade básica de um bairro.

Arquiteturas: Arcos da Lapa

Antes da boemia, dos bares, do samba e dos bondes de Santa Tereza, os famosos Arcos da Lapa serviam a um Rio de Janeiro bem diferente, uma cidade pequena, colonial, sem saneamento e que, portanto, precisava das águas do Rio

Sem comentários

Escreva um comentário
Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar esta postagem.

Escreva um comentário

Deixe uma resposta