Primeira edição do Arq21 debate assuntos ligados à metrópoles contemporâneas

Primeira edição do Arq21 debate assuntos ligados à metrópoles contemporâneas

Inicia nesta quarta-feira, dia 24 de fevereiro, o primeiro Arq21, projeto organizado pelo Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB). O programa, que acontece até meados de julho de 2016, pretende discutir temas relevantes à arquitetura e às cidades tendo como tema “Metrópole Contemporânea e o papel de suas áreas centrais para o desenvolvimento.”.

Exibida ao vivo, via streaming, pelos sites do IAB, do IAB-RJ e do CAU/RJ, a primeira etapa do circuito acontecerá nos dias 24 e 25 de fevereiro, na sede do IAB do Rio de Janeiro, com o Fórum Internacional “A metrópole contemporânea. Os mundos da lusofonia”. Além da conferência, será realizado paralelamente o encontro anual do Conselho Internacional de Arquitetos de Língua Portuguesa (CIALP).

O projeto quer dar um passo à frente no futuro, já que pretende encorajar discussões e  o desenvolvimento de estudos para o 27º Congresso Mundial de Arquitetura da União Internacional dos Arquitetos, realizado pela primeira vez no Brasil em 2020.

O evento que acontece no endereço: Beco dos Pinheiros, 10, Flamengo, das 15:30 às 18:30, é gratuito e aberto ao público. Para conferir a programação completa dos dias clique aqui.

 



Artigos relacionados

CAU/BR e o IAB/DF abrem concurso público para a novas sedes em Brasília

Concurso Nacional de Projetos de Arquitetura e Complementares para Nova Sede do CAU/BR e do IAB-DF premiará o vencedor em R$ 1.491.982,00

Dia 5 de novembro arquitetos elegerão novos conselheiros

No próximo dia 5 de novembro, cerca de 150 mil arquitetos de todo o país irão eleger os conselheiros federais e estaduais do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil (CAU/BR) e dos CAUs dos 26 Estados e do Distrito Federal para o triênio 2015/2017.

Marcelo Perret: sustentabilidade e acessibilidade são essenciais

Para o arquiteto Marcelo Perret, conselheiro do CAU/RJ e coordenador do Comissão de Ética Profissional da entidade, a Arquitetura precisa unir acessibilidade, sustentabilidade e plástica. Ele não arrisca indicar um exemplo que una os três itens.

Sem comentários

Escreva um comentário
Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar esta postagem.

Escreva um comentário

Seu e-mail nâo será publicado.
Campos obrigatórios estão marcados*