Projeto notabiliza trabalhos pioneiros de mulheres na arquitetura

Projeto notabiliza trabalhos pioneiros de mulheres na arquitetura

O Arquivo Internacional de Mulheres na Arquitetura (IAWA), juntamente com a Iniciativa Latino-Americana da Paisagem (LALI), está fazendo um convite especial para os seus membros: iniciar uma busca minuciosa sobre os trabalhos pioneiros nos ramos da arquitetura, do paisagismo e da urbanidade realizados por mulheres de toda a América-Latina.

O objetivo da iniciativa é conservar o legado arquitetônico realizados por mulheres, principalmente, antes e durante o século XX e que tenham sido pioneiros de alguma forma, além de convidar o principal público alvo, mulheres ligadas à arquitetura e outras áreas relacionadas, a contarem suas histórias.

A IAWA foi fundada há quase três décadas com a finalidade de dar espaço e foco para as contribuições femininas na área. Para ajudar na apresentação de um ponto de vista mais equilibrado, serão aceitos os materiais: manuscritos originais, livros, catálogos, desenhos e rascunhos, além de material biográfico, ferramentas de desenhos, diários pessoais, fotografias pessoais e de obras, maquetes e quaisquer outros materiais que possam revelar algum aspecto importante dessas mulheres.

Saiba mais sobre a iniciativa aqui: LALI.

(Foto – Archdaily)



Artigos relacionados

CAU/BR e o IAB/DF abrem concurso público para a novas sedes em Brasília

Concurso Nacional de Projetos de Arquitetura e Complementares para Nova Sede do CAU/BR e do IAB-DF premiará o vencedor em R$ 1.491.982,00

Estádio projetado para a Copa do Mundo ganha nova função social

Lançado pelo governo do Mato Grosso, o estádio “Arena Pantanal” será o primeiro estádio-escola do Brasil.

Fabrício Cavalcanti: arquiteto tem de mergulhar no assunto

Para Fabrício Cavalcanti, diretor administrativo do IAB do Ceará, o arquiteto tem que mergulhar no tema de seus projetos para fazer um bom trabalho.

Sem comentários

Escreva um comentário
Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar esta postagem.

Escreva um comentário

Seu e-mail nâo será publicado.
Campos obrigatórios estão marcados*