São Paulo

São Paulo

Se fosse um país independente, a cidade de São Paulo seria a quinta maior economia da América do Sul, atrás somente de Brasil, Argentina, Colômbia e Venezuela, e superando a riqueza de Paraguai, Uruguai, Equador e Bolívia juntos, em razão de seu Produto Interno Bruto. No plano mundial, a cidade seria a 37a economia, de acordo com a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP), com um PIB de R$ 477 bilhões.

São quase 20 milhões de habitantes numa mancha urbana que supera em muito os limites do município. Boa parte da população tem imigrantes entre seus ascendentes.  Em 2010, a região metropolitana de São Paulo A RM de São Paulo representava 18,92% do PIB do Brasil, ou seja, quase um quinto da produção da riqueza nacional. Quarta região metropolitana do mundo por habitação, a principal metrópole do Brasil é reconhecida por gerar melhores oportunidades de emprego e renda, mas também condições adversas de mobilidade urbana, segurança e poluição ambiental.


Artigos relacionados

A hora da cidade por José Borzacchiello da Silva

Coluna de José Borzacchiello da Silva para O Povo Online

Belo Horizonte vista pelo Departamento de Estado dos EUA

  Este documentário produzido pelo Departamento de Estado norte-americano, mostra a capital de Minas Gerais, Belo Horizonte,  uma das primeiras cidades nascidas de um planejamento tanto arquitetônico quanto urbanístico.   Relacionado

Arquitetos do DF criam monumentos públicos e viram referência nacional

O Plano Piloto nasceu de um edital público e os profissionais da cidade estão levando essa tradição e conhecimento para o resto do país   Brasília nasceu de um concurso de urbanismo e arquitetura. No fim da década de 1950,

Sem comentários

Escreva um comentário
Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar esta postagem.

Escreva um comentário

Deixe uma resposta