Série brasileira Habitar Habitat recebe o Prêmio TAL de Melhor Produção de Série

Série brasileira Habitar Habitat recebe o Prêmio TAL de Melhor Produção de Série

O evento aconteceu na última quinta (31/07), em Montevidéu, no Uruguai

A série Habitar Habitat, realizada pelo SescTV e produzida pelas produtoras Revanche Produções e Miração Filmes, com direção do jornalista Paulo Markun e do cineasta Sérgio Roizenblit, recebeu na última quinta (31/07) o Prêmio TAL da categoria Produção de Série na cerimônia de premiação, em Montevidéu, no Uruguai.

Os Prêmios TAL são co-organizados por Televisión América Latina e DocMontevideo – Encontro Documental das Emissoras Latino-americanas, e tem como objetivo reconhecer e tornar público o trabalho audiovisual de qualidade realizado nas emissoras públicas e culturais do continente latino-americano, e fortalecer o vínculo entre eles.

Exibida pelo SescTV desde novembro de 2013, todos os domingos, às 20h, a série Habitar Habitat apresenta, em 13 episódios, de 52 minutos cada, diferentes modelos de habitação encontrados no Brasil e estabelece a relação entre a casa e a identidade cultural. Palafitas; casas flutuantes, de arquiteto, sertaneja, enxaimel, caiçara, de colono japonês, de colono alemão, de fazenda e sustentável; maloca; favela; e apartamento são estilos de moradia abordados na série.

Assista também online em sesctv.org.br/aovivo



Artigos relacionados

Arquiteturas: Parque Sitiê

um lixão que virou parque.

Edifícios icônicos ganham vida na mão de ilustrador

O ilustrador Michael William Lester selecionou 20 obras renomadas da arquitetura -entre elas o aeroporto de Brasília- e as transformou em GIF’S

Irmãos Roberto, o filme

Marcelo, Milton e Maurício são conhecidos no meio arquitetônico como Irmãos Roberto. Eles fazem parte da mesma geração responsável por popularizar o modernismo brasileiro. Os irmãos Roberto foram os responsáveis pelo prédio da Associação Brasileira de Imprensa (ABI), no centro

Sem comentários

Escreva um comentário
Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar esta postagem.

Escreva um comentário

Seu e-mail nâo será publicado.
Campos obrigatórios estão marcados*