A Arquitetura e a couve, por Alberto Botti

A Arquitetura e a couve, por Alberto Botti


O arquiteto Alberto Botti, do escritório Botti Rubin acha que o governo brasileiro deveria seguir o exemplo da dona de casa, que ao comprar couve, primeiro examina a qualidade, para depois discutir o preço. Em entrevista a Paulo Markun, para o portal Arquitetura e Urbanismo Para Todos do CAU/BR, Botti também fala de outros temas: Temas:

00:00 Como retomar a importância da cultura arquitetônica brasileira?
02:49 Pode haver arquitetura sem arquiteto?
03:59 O que o arquiteto pode aprender com o usuário?
04:53 O zoneamento e a cidade monofuncional
07:11 Dois exemplos de bons projetos de arquitetura
11:41 Você é otimista em relação ao papel que a arquitetura pode desempenhar na sociedade brasileira?



Artigos relacionados

Música não é só bossa nova e arquitetura não é só moderna, diz Sylvio de Podestá

O arquiteto mineiro Sylvio de Podestá critica o dogmatismo da arquitetura moderna brasileira e diz que como na música não se pode reduzir tudo à bossa nova, na arquitetura, é preciso enfrentar o desafio dos grandes centros e conversar com

O futuro da arquitetura, por Alvaro Puntoni

Entrevistado pelo portal Arquitetura para Todos do CAU/BR, Alvaro Puntoni fala a Paulo Markun sobre o futuro da arquitetura e sua interação com a sociedade, a política e a necessidade de repensarmos a ocupação do solo. Puntoni, arquiteto pela FAU-USP,

Verticalização e arquitetura, por Marco Antonio Borsoi

Marco Antonio Borsoi, ex-presidente do IAB – PE e arquiteto atuante na cidade do Recife explica o que o arquiteto pode aprender com o usuário das obras em entrevista feita por Paulo Markun, para o portal Arquitetura e Urbanismo Para

Sem comentários

Escreva um comentário
Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar esta postagem.

Escreva um comentário

Deixe uma resposta