Arquiteturas: Galeria do Rock

Arquiteturas: Galeria do Rock

A história da Galeria de Rock se mistura com a história da cidade de São Paulo desde de sua inauguração, em 1963. De lá pra cá, ela passou por intensas transformações. Foi ícone do comércio, foi abandonada, e muitos anos depois, reocupada e se tornou o principal point do gênero rock dos dias atuais. Sua principal caraterística é a capacidade de ser uma continuação da rua, com lojas à vista e um conceito que mistura o uso de praça e centro de compras.

Para conhecer melhor essa história, veja o episódio da série Arquiteturas sobre a galeria de todas as tribos:


Artigos relacionados

Time Space Existence

Durante a 16ª Bienal de Arquitetura de Veneza, que será inaugurada no sábado, 26 de maio e ocorrerá até o domingo, 25 de novembro de 2018, o Centro Cultural Europeu vai apresentar o Time Space Existence, no Palazzo Mora, Palazzo

Exposição sobre arquitetura Contemporânea da Amazônia

Projeto do Espaço Cultural José Gomes Sobrinho, em Palmas, é destaque em Exposição sobre arquitetura Contemporânea da Amazônia   A Galeria Municipal de Artes, no Espaço Cultural José Gomes Sobrinho, recebe de 11 de abril a 03 de maio, a

Terceiro Prêmio Oscar Niemeyer

Estão abertas as inscrições para o 3º Prêmio Oscar Niemeyer para arquitetura latino americana. Uma comissão designada pelo Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB), composta por arquitetos e urbanistas de várias regiões do país, será encarregada de selecionar, via edital,

Sem comentários

Escreva um comentário
Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar esta postagem.

Escreva um comentário

Deixe uma resposta