Arquiteturas: Orla de Santos

Arquiteturas: Orla de Santos

Diante dos prédios tortos se estende um imenso jardim de frente para o mar, a Orla de Santos. É o maior jardim de praia do mundo, com mais de cinco quilômetros de extensão e menção no Guinness Book, o livro dos recordes. A orla marítima passa por sete bairros da cidade. A ideia nasceu em 1914 na mente do engenheiro Saturnino de Brito. Nos anos 60, os jardins foram modificados, ficando mais modernos e se tornando o espaço de lazer preferido dos santistas atuais.

Para conhecer melhor essa história, veja o episódio da série Arquiteturas sobre o jardim de praia:


Artigos relacionados

6º Prêmio de Arquitetura Instituto Tomie Ohtake AkzoNobel.

Estão abertas as inscrições para o 6º Prêmio de Arquitetura Instituto Tomie Ohtake AkzoNobel. A iniciativa continua a mapear a produção arquitetônica contemporânea, ao destacar, pelo sexto ano consecutivo, projetos significativos construídos no panorama atual brasileiro que levem em conta

Burle Marx: aniversário e homenagem em exposição em Nova York

Roberto Burle Marx nasceu no dia 04 de agosto de 1909. Neste mês completaria 110 anos.  Seu fascínio pela beleza e diversidade da vegetação brasileira se dá a partir no final da década de 1920, quando Roberto e sua família

Cohousing, a “república” de velhos, conquista espaço em Portugal

Texto do jornalista Paulo Markun para o blog Em Tempo, da Folha de S.Paulo O conceito do cohousing surgiu na Dinamarca nos anos 70 do século passado – hoje 8% dos dinamarqueses vivem nesse tipo de moradia. A expressão foi

Sem comentários

Escreva um comentário
Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar esta postagem.

Escreva um comentário

Deixe uma resposta