Arquiteturas: Paranapiacaba

Arquiteturas: Paranapiacaba

É quase uma viagem no tempo visitar a vila ferroviária de Paranapiacaba, no topo da Serra do Mar. O nome é de origem indígena, que significa “lugar onde se avista o mar”. A razão de sua existência é o apoio à linha da companhia inglesa São Paulo Railway, que ligava a cidade de São Paulo ao porto de Santos para o escoamento da produção de café. Esse tempo passou, a linha está obsoleta e desativada. No entanto, o estilo inglês ficou e agora atrai turistas, devido a sua arquitetura distinta.

Para conhecer melhor essa história, veja o episódio da série Arquiteturas sobre a vila ferroviária:


Artigos relacionados

Instituto Inhotim reabre neste sábado

Após duas semanas da tragédia em Brumadinho, o Instituto Inhotim volta a abrir suas portas nesse sábado (09), com entrada gratuita. O museu ficou fechado devido ao rompimento da barragem da Mina do Córrego do Feijão, em Minas Gerais. O

Novo site reúne obras de mulheres pioneiras na arquitetura

A Beverly Willis Architecture Foundation lançou um novo site chamado “Pioneering Women of American Architecture“. O site procura promover e documentar mulheres importantes para a história da arquitetura, sendo o resultado de numerosas entrevistas, pesquisas e documentação fotográfica. Desde 2012,

Ribeirão Preto faz convênio para restaurar museus em risco

A Prefeitura de Ribeirão Preto assinou convênio com o Centro Universitário Moura Lacerda para um projeto de intervenção e recuperação do Museu Histórico e do Museu do Café, situados no câmpus local da Universidade de São Paulo (USP). Os museus

Um comentário

Escreva um comentário

Escreva um comentário

Deixe uma resposta