Avenida Paulista é considerada pólo cultural em são Paulo

Ao longos dos 126 anos de existência foram construídas casas, escritórios, lojas, parques, restaurantes, estações de metrô, ciclovias, centros de serviço e comércio, etc. Hoje, a Avenida Paulista, localizada no centro da capital paulista, atingiu a categoria de polo cultural.

Algumas atrações instaladas na avenida mais cosmopolita de São Paulo, precisam ser enaltecidas. Entre elas está o MASP (Museu de Arte de São Paulo); o Conjunto Nacional; a Reserva Cultural; e a  Casa das Rosas. Muitas ainda estão a surgir.

Em maio, a Japan House abriu as portas no número 52 da Av. Paulista.Em agosto, o Instituto Moreira Salles inaugura sua sede paulistana no número 2.424, e, no primeiro semestre do ano que vem, o Sesc Paulista volta para o número 119 da Avenida.



Artigos relacionados

CAU/SP assina Termo de Cooperação Técnica com Secretaria de Cultura de São Paulo

A preservação e valorização do patrimônio cultural de São Paulo, a melhoria da administração e fiscalização dos bens tombados, e a qualificação e capacitação dos arquitetos e urbanistas são os eixos centrais do Termo de Cooperação assinado em dezembro entre

CAU Conversa: João Filgueiras Lima, o Lelé

Lelé é o primeiro convidado da série CAU Conversa.

Ribeirão Preto faz convênio para restaurar museus em risco

A Prefeitura de Ribeirão Preto assinou convênio com o Centro Universitário Moura Lacerda para um projeto de intervenção e recuperação do Museu Histórico e do Museu do Café, situados no câmpus local da Universidade de São Paulo (USP). Os museus

Sem comentários

Escreva um comentário
Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar esta postagem.

Escreva um comentário

Deixe uma resposta