Bruno Ferraz e dois bons exemplos

Bruno Ferraz e dois bons exemplos


O arquiteto Bruno Ferraz, de Recife, sócio do escritório B’Ferraz Arquitetura destaca dois bons exemplos: os hospitais da Rede Sarah, projetos de João Filgueiras Lima, o Lelé e o edifício Acaiaca, de Recife, construído em 1958 pelo arquiteto Delfim Amorim. Bruno conversou com Paulo Markun, especialmente para o portal Arquitetura e Urbanismo Para Todos do CAU/BR.

Temas:
00:00 A verticalização das cidades brasileiras
02:57 Dois exemplos de boa arquitetura: Rede Sarah Kubitschek e Edifício Acaiaca
04:55 Você é otimista em relação ao papel da arquitetura e urbanismo?


Tags:
Bruno Ferraz

Artigos relacionados

Gustavo Penna: o modernismo se desgastou

Em um bate-papo para o portal Arquitetura para Todos do CAU/BR, Gustavo Penna responde a Paulo Markun por que considera a arquitetura modernista dos anos 60 um estilo importante, porém já desgastado.

Em São Paulo, parques naturais municipais estão abandonados desde maio

Não há quem vigie os parques naturais municipais de São Paulo desde maio deste ano. A empresa responsável, a Atlântico Sul Vigilância e Segurança EIRELI, abriu falência em abril. Em maio seus funcionários abandonaram os postos na capital e desde então as unidades de conservação da cidade estão sem vigilância.

O que é um bom projeto para Roberto Moita

O arquiteto Roberto Moita explica a essência da arquitetura e comenta a perda da significância da arquitetura como bem cultural após a era de ouro do modernismo.

Sem comentários

Escreva um comentário
Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar esta postagem.

Escreva um comentário

Deixe uma resposta