Exposição permite que visitante “coma” Brasília

Exposição permite que visitante “coma” Brasília

A exposição Ciclo – Criar Com o Que Temo comemora os 100 anos dos primeiros ready-made de Marcel Duchamp, artista que inovou ao promover o deslocamento de objetos comuns para o cenário de exposições de arte. A mostra acontece no Centro Cultural Banco do Brasil DF, em Brasília, com 15 artistas expositores.

Umas das peças que mais chama atenção é a “cidade comestível” do artista plástico Sung Dong. Nela é possível ao visitante comer a cidade de Brasília, construída com doces, biscoitos e várias outras guloseimas. A sessão de comilança será aberta neste sábado, às 11 horas da manhã.

Qual parte da arquitetura você vai querer?


Artigos relacionados

Feliz dia do Arquiteto e Urbanista

O Arquitetura e Urbanismo para Todos deseja um feliz dia para os arquiteto urbanista!

Curadores da XII Bienal de Arquitetura de São Paulo são premiados com fundos da Graham Foundation

A equipe de curadores da XII Bienal Internacional de Arquitetura de São Paulo, composta pelos arquitetos Vanessa Grossman, Charlotte Malterre-Barthes e Ciro Miguel, foi nomeada uma das vencedoras dos concorridos Grants to Individuals (Subsídios a indivíduos) de 2019 da prestigiosa

Em São Paulo, parques naturais municipais estão abandonados desde maio

Não há quem vigie os parques naturais municipais de São Paulo desde maio deste ano. A empresa responsável, a Atlântico Sul Vigilância e Segurança EIRELI, abriu falência em abril. Em maio seus funcionários abandonaram os postos na capital e desde então as unidades de conservação da cidade estão sem vigilância.

Sem comentários

Escreva um comentário
Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar esta postagem.

Escreva um comentário

Deixe uma resposta