Jacobsen Arquitetura e suas parcerias

Jacobsen Arquitetura e suas parcerias

Nasceu em 1954 no Rio de Janeiro, graduando-se em 1975, pela Universidade Bennett. Estagiou com o arquiteto Índio da Costa durante dois anos e posteriormente com o urbanista e paisagista Fernando Chacel. Em 1975, viajou para Londres por um período de um ano, no qual cursou a Politecnic School of London, de onde retornou como estagiário para o escritório do arquiteto Sérgio Bernardes. Em 1976 uniu-se a Cláudio Bernardes, filho de Sérgio e juntos criaram a Cláudio Bernardes & Jacobsen Arquitetura. Em 1997, abrem uma filial do escritório, na cidade de São Paulo. Após a súbita morte de Cláudio Bernardes em 2001, Paulo se associa à Thiago, filho de Cláudio e iniciam o novo escritório, que incluía também o arquiteto Miguel Pinto Guimarães, que deixa a empresa em 2003. Em 2007, Bernardo Jacobsen integra a sociedade. A sociedade com Thiago Bernardes se desfaz em 2012, originando a criação da Jacobsen Arquitetura atual, que tem como sócios Paulo e Bernardo Jacobsen e Eza Viegas na área de arquitetura de interiores.


Artigos relacionados

Para que serve um Plano Diretor?

O Plano Diretor é um documento regulamentador do planejamento e ordenamento do território de um dado município. Neste documento está definida a organização municipal do território, onde se estabelece a referenciação espacial dos usos e actividades do solo municipal através

Pesquisa Inédita: percepções da sociedade sobre Arquitetura e Urbanismo

No mês em que a ONU comemora o “outubro urbano”, o Brasil toma conhecimento de dados preocupantes em relação a obras particulares de suas cidades. Pesquisa inédita realizada pelo Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil (CAU/BR) e pelo Instituto

Sindicato faz campanha para valorizar o jovem arquiteto

Lista de orientações do Sindicato dos Arquitetos do Rio Grande do Sul para valorizar o arquiteto em início de carreira.

Sem comentários

Escreva um comentário
Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar esta postagem.

Escreva um comentário

Deixe uma resposta