Palácio Joaquim Nabuco fecha suas portas para se tornar museu

O prédio, localizado na Rua da Aurora, na área central do Recife, sedia a Assembleia Legislativa do Estado (Alepe) há 142 anos. A proposta é transformar o espaço no Museu Legislativo do Estado. Ele será fechado a partir de terça-feira (1º), mas ainda não há previsão para o início da reforma, que pode custar cerca de  R$ 18 milhões.

O objetivo é tornar o local um símbolo turístico para a cidade. Para isso, todos os elementos arquitetônicos e mobiliários, assim como os documentos históricos serão incorporados ao museu e tombados.

O novo prédio da Alepe, que receberá as atividades legislativas, fica na Rua da União. O ambiente conta com um auditório com cerca de 140 lugares e quatro plenários – entre eles o plenário principal Eduardo Henrique Aciolly Campos.  As funções no novo edifício devem ser retomadas na íntegra até o dia 05 de agosto.



Artigos relacionados

Entrevista: Clóvis Ilgenfritz, pioneiro na Arquitetura de Habitação Social no Brasil

Clóvis Ilgenfritz da Silva é arquiteto e urbanista nascido em Ijuí, uma das mais populosas cidades da região noroeste do Rio Grande do Sul. Formado em 1965 pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Clóvis dedicou sua vida

Arquiteturas: Ribeira

O bairro do Ribeira, na zona portuária de Natal, tem uma extensa história de boemia e vida noturna. Seu auge foi durante a Segunda Guerra, devido à forte presença de soldados americanos. Com a decadência industrial e a mudança do

Ribeirão Preto faz convênio para restaurar museus em risco

A Prefeitura de Ribeirão Preto assinou convênio com o Centro Universitário Moura Lacerda para um projeto de intervenção e recuperação do Museu Histórico e do Museu do Café, situados no câmpus local da Universidade de São Paulo (USP). Os museus

Sem comentários

Escreva um comentário
Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar esta postagem.

Escreva um comentário

Deixe uma resposta