Reforma no Museu do índio

Reforma no Museu do índio

As obras de reforma no Centro Cultural Ykuiapá, mais conhecido como Museu do Índio, devem ser retomadas ainda neste ano. Fechado há cerca de seis anos, o espaço passará por readequação do projeto arquitetônico e da planta.

Representantes da Prefeitura de Cuiabá, do Ministério Público Federal, Fundação Nacional do índio (Funai) se reuniram para discutir o projeto e deve, em até 90 dias, ser apresentado para aprovação do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). As melhorias são custeadas por recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) Cidades Históricas.

“Assim como ocorreu com outros diversos projetos do PAC, tivemos que readequar projetos elaborados em outra gestão porque foram constatados erros. Nossa expectativa é devolver esse atrativo à Capital, reforçando as opções turísticas e, sobretudo, valorizando a história e a herança daqueles que estavam aqui muito antes da chegada dos bandeirantes e da fundação oficial da cidade”, afirmou o secretário municipal de Cultura, Esporte e Lazer, Francisco Vuolo.

O Museu resguardava um acervo raro de culturas indígenas do Estado. “É importante ressaltar que as peças foram devidamente retiradas do espaço e armazenadas com todo o cuidado necessário para garantir a sua integridade”, explica Vuolo.

 

 

Fontes: G1; O Livre; Olhar Direto

 



Artigos relacionados

Oscar Niemeyer no Roda Viva

Niemeyer ficou mundialmente conhecido pela ousadia inovadora de sua arquitetura cheia de curvas. Os prédios que abrigam o Governo Federal brasileiro são apenas alguns exemplos de sua vasta produção.

O Projeto de Lei para uma nova Lei da Anistia

A proposta da nova Lei da Anistia prevê a regularização  considerando três modalidadeS: automática, declaratória e comum.   Entenda: Regularização Automática: para edificações residenciais de até 150m² Nestes casos, a regularização acontecerá de maneira automática e o interessado será responsável

Plenário do CAU/BR manifesta solidariedade à população de Moçambique

O Plenário do CAU/BR aprovou mensagem de condolências e de solidariedade à Embaixada de Moçambique e à Associação de Arquitectos de Moçambique, país recém devastado pelo ciclone  Idai. A aprovação ocorreu na 88a. Reunião Plenária realizada em Brasília em 29

Sem comentários

Escreva um comentário
Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar esta postagem.

Escreva um comentário

Deixe uma resposta