Sesc Pompeia é o 6º melhor prédio em concreto do mundo

Sesc Pompeia é o 6º melhor prédio em concreto do mundo

O jornal inglês The Guardian publicou uma lista dos dez melhores prédios em concreto do mundo. Entre eles está uma obra da arquiteta Lina Bo Bardi, o Sesc Pompeia. Ao lado de Gaudí e Le Corbusier, o edifício ficou com o sexto lugar. Lina Bo Bardi consagrou-se em obras em concreto, como também o MASP, na Avenida Paulista. O texto elogia o formato das janelas, os espelhos d’água internos e a circulação dinâmica por pontes entre os prédios. O conjunto é apelidado de “Cidadela da Liberdade”. Veja abaixo como ficou o ranking, de acordo com o jornal britânico:

1. Panteão de Roma – (possivelmente por Apolodoro de Damasco)
2. Unité d’habitation de Marselha – Le Corbusier
3. Restaurante Los Manantiales, Cidade do México – Félix Candela
4. Banco de Londres em Buenos Aires – Clorindo Testa
5. Saint-Jean-de-Montmartre, de Paris –Anatole de Baudot
6. Sesc Pompeia, de São Paulo – Lina Bo Bardi
7. Pavilhão de Portugal, Lisboa – Álvaro Siza
8. Biblioteca da Escola Técnica de Eberswalde, Alemanha – Herzog e de Meuron
9. Pedrera, Barcelona – Antoni Gaudí
10. Poli House, Chile – Pezo von Ellrichshausen



Artigos relacionados

Prefeitura de São Paulo receberá a posse do terreno do Parque Augusta

Em agosto de 2018 a Prefeitura de São Paulo firmou os termos de negociação que preveem a transferência do terreno por doação ao município. Em troca, ficou estabelecido que as empresas poderiam construir em outra área aquilo que chegou a

Elizabeth Diller entre as 100 pessoas mais influentes do mundo segundo a revista TIME

A arquiteta Elizabeth Diller, do escritório Diller Scofidio + Renfro, foi novamente nomeada uma das pessoas mais influentes do mundo pela TIME em 2018. A lista anual da TIME Magazine, chamada de “Time 100”, reconhece a conquista dos artistas, líderes,

Parque e Museu Campo de Marte devem ser inaugurados em dois anos

Foi anunciado pelo Prefeito de São Paulo, João Doria, o projeto preliminar do Parque Campo de Marte e do Museu Aeroespacial Santos Dumont. A data de início da obra ainda é incerta. Até janeiro devem ser publicados pela Câmara Municipal,

Sem comentários

Escreva um comentário
Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar esta postagem.

Escreva um comentário

Deixe uma resposta